Posts com Tag ‘Siliconera’

De acordo com uma notícia da Siliconera, o Japão vai receber um DualShock 3 transparente. O novo modelo Crystal será lançado no dia 19 de dezembro, a 5500 Yens (55 dólares).

dualshock 3-1

 

Um detalhe interessante: em adição ao Playstation 3, os controles também funcionarão na nova PS Vita TV, um novo periférico que, entre outros usos, permite que você jogue seu Vita na telona.

dualshock 3-2

Anúncios

O pessoal da Siliconera trouxe a tradução de uma entrevista do pai de Metal Gear Solid, Hideo Kojima, para a revista japonesa Famitsu. Nela, Kojima comenta os motivos que levaram o novo jogo da série na direção open world e como o mesmo funcionará dentro dessa mecânica. O Game Century traz essa explicação traduzida para vocês, amigos leitores.

hideo kojima

“O termo ‘mundo aberto’ é frequentemente mal-compreendido pelas pessoas,” diz Kojima. “[Metal Gear Solid V] não será um jogo onde você pode passar um dia inteiro pescando com Snake, ou um que permite que ele mude de profissão para começar uma nova vida, ou nada desse tipo.”

“Ao invés  disso, enquanto os cenários estarão em um mundo aberto, e você terá bastante liberdade, em Metal Gear Solid V sempre será claro no que diz respeito a saber o que você precisa fazer,” ele elabora. “Por exemplo, você terá coisas como ‘help this ‘help this person,’ ‘destroy ____,’ ‘gather information here,’ e assim em diante. Também haverá missões com limite de tempo.”

Os comentários de Kojima deixam claro que MGS V contará com mais de um tipo de missão. A Famitsu então o indagou sobre como tais missões se diferenciaram daquelas em jogos anteriores da franquia.

“Até então, nós basicamente estivemos restritos a fazer só as [missões de] infiltrações para Metal Gear Solid,” diz Kojima. “Haveria uma cena que mostrava como chegar lá, e os jogadores começariam bem na frente da entrada. Se eles cumprissem a missão com segurança, haveria outra cut-scene, onde você veria algo como um helicóptero aparecer, conforme você realizava sua fuga.”

A Famitsu então questionou se ele considera essa abordagem como sendo um design linear de jogos.

“Sim, mas não há nada de errado com jogos lineares,” responde. “Os game designers podem expressar facilmente suas intenções fazendo determinados eventos acontecerem em determinados locais e a passagem do tempo ser perceptível, para que seja possível ter uma produção similar àquela de um longa-metragem.”

Após mencionar a semelhança a um “trilho” usado por game designers, a Famitsu aponta que a séria Metal Gear Solid parece utilizar “múltiplos trilhos”.

“Isso está correto, mas, na verdade, eu acho que poder checar o mapa de infiltração, depois ouvir os detalhes da missão, decidir quando ir em frente, o que equipar e então como abordar a missão serão uma maneira divertida de raciocinar sobre as coisas,” diz Kojima.

“Não só durante as missões, mas nós queremos que o antes e o depois também se assemelhem a um ‘estilo jogo de colheita de informações’,” ele enfatiza. “Por esse motivo, nós chegamos à conclusão de que ter um mundo aberto seria o mais adequado. Os mapas são vastos, e o tempo e clima também sofrerão mudanças.”

“Você pode comparar à criação de um jogo de survival”, continua. “Enquanto é divertido atirar em jogos de survival, também é divertido se dividir em equipes, criar estratégias e pensar em maneiras de sobrepujar inimigos, o que eu acredito que é tão divertido quanto. Esse é o tipo de jogo em que nós estamos mirando enquanto criamos Metal Gear Solid V.”

Metal Gear Solid V está em desenvolvimento para PS3, PS4, Xbox 360 e Xbox One.

metal gear solid